Fechar Menu [x]

Dois Projetos De Formação Musical Em Novembro

Audiovisual | Música | Slider | Thais Polimeni 19/11/18 - 01h Thais Polimeni

87-cantando-com-ping-e-pong

Dizem que música é uma linguagem universal que une etnias, classes sociais, idade, gêneros… É. No quesito filosófico, socio e antropológico. Quantas músicas que você ama e não tem ideia do que estão dizendo? Eu, várias. Em francês, inglês, italiano, espanhol e até silbo. Entre todas, a música brasileira é a de que eu mais gosto. Sem bairrismo. Como sou trabalhadora da palavra, acho que me apego às letras das nossas músicas (salvo exceções de funk, que eu amo e aí rola um desapego nisso, sim).

Em questões técnicas, música se torna universal a partir do momento que você aprende notas, melodias e partituras. Eu sempre fiquei encucada em apresentações de jazz, em que os músicos faziam improvisações: “Como se faz uma improvisação musical? Como escolher a nota musical sem saber o que o músico ao lado vai tocar?“. Até que eu tive um insight durante as pesquisas para a entrevista com o baterista e compositor Bruno Tessele (assista aqui): improvisar é igual conversar. Música é uma linguagem igual aos idiomas. Em uma conversa com um amigo, você sabe o que ele vai dizer em seguida? Pode imaginar, mas uma boa conversa é tida quando a gente entra no fluxo e não vê as horas passarem. Sem planejamento do assunto, sem assuntos proibidos. Os músicos, assim, vão conversando por meio dos sons dedilhados, batucados, tocados, compondo uma conversa, aí sim, compreendida por todos.

FLYER _ ORQUESTRA _ PRIMEIROS ACORDES _ A5 _ 2Proporcionar uma formação musical para crianças e jovens é essencial, pois essa atividade une razão e emoção; a parte técnica e social. Há diversas iniciativas com esse propósito educativo no Brasil. Quem mora na região de Rio Grande da Serra, no ABC Paulista, por exemplo, tem a oportunidade de participar do Projeto Guri ou do Projeto Primeiros Acordes, que será lançado dia 22 de novembro e do qual a Cult Cultura é Media Partner (clique no flyer ao lado). E quem mora em alguma região que ainda não tem esse tipo de projeto, mas tem TV por assinatura, pode começar a formação musical com a animação infantil “Cantando com Ping e Pong” (da produtora brasileira  TV Pinguim em coprodução com a produtora canadense Kondolole Films, juntamente com os canais públicos canadenses TVO,  TFO e Tele Quebec). A série começou a ser exibida hoje, às 7h30, e estará na grade de programação de segunda a sexta, nesse mesmo horário. O conteúdo foi criado com foco em crianças até 6 anos, ensinando sobre musicalização por meio da apresentação de ritmos, melodias e instrumentos de diferentes lugares do mundo. “Cantando com Ping e Pong” apresenta um grupo de amigos que moram no Jardim Din Don e que encontram na música a solução para diversos pequenos desafios diários. “A música está em todo lugar, basta procurar!”, realça o slogan da série. Assista à abertura abaixo e veja como é interessante e divertido o programa. Até eu fiquei com vontade de acompanhar, pra ver se eu aprendo a diferença entre um Dó e um solfejo :-p

Tags: , , , , , ,