Fechar Menu [x]

Sweatshop: o Reality Show da Moda

Audiovisual | Leonardo Cássio | Moda e Design 29/01/15 - 02h Leonardo Cassio

sweatshop

Uma das cadeias mais importantes de Economia Criativa, a Moda não vive só de glamour e luxo. Muito pelo contrário. Apesar de não ser exclusividade do segmento, a exploração de trabalhadores em países da Ásia, África e América Latina é um fato corriqueiro e espanta pelo gigantismo da infraestrutura que algumas companhias têxteis montaram para usurpar lucro em cima de gente pobre, muito pobre.

Devido a este contexto tenebroso, foi lançado um Reality Show na Noruega chamado “SweatShop: Deadly Fashion”. Sweatshop é o termo utilizado para definir uma empresa especializada em moda, que emprega trabalhadores pagando salários baixíssimos, geralmente em uma carga horária desumana e péssimas condições de trabalho. A ideia, criativa, foi de mandar três blogueiros de moda para um dos países mais explorados pela cadeia da moda, o Camboja. Eles passaram por uma imersão no dia a dia do pessoal que costura e borda peças de roupas por um valor tão irrisório que mal merece ser citado aqui.

Frida, Anniken e Ludvig (não encontramos o endereço do blog dele – estranho!),  produtores de conteúdo para a cadeia de moda, passaram um mês no Camboja vivenciado a rotina dos trabalhadores de lá. A euforia ou curiosidade do primeiro dia é substituída por um choque sem volta. Os jovens de classe média alta/ alta se apresentam como pessoas felizes, normais, que entre suas atividades compram roupas e se divertem enquanto fazem isso. Até irem ao Camboja.

Em “Sweatshop”, Anniken, por exemplo, fica atordoada com o fato dos trabalhadores se deslocarem em caminhões no estilo pau-de-arara e pelo fato de que gastava 600 euros em roupas e as pessoas que fazem essas mesmas roupas caras ganham U$3.00 por semana para as confeccionarem. Difícil.

Sintetizando: os blogueiros mudam suas opiniões e atitudes com relação à exploração dos trabalhadores. Ouvimos, com frequência aterradora, que pessoas estão sendo exploradas na indústria da moda e geralmente temos a atitude de ignorar e fingir que não é conosco. Só que não é assim, people. Tem muita gente morrendo de fome para vestirmos roupinhas by “Daslu”.

Olhe aí o trailer e aqui os episódios desse audacioso projeto:

Tags: , , , , , , , , , , , ,

COMPARTILHE ESTE POST

COMPARTILHE

COMPARTILHE

Leonardo Cassio

Leonardo Cassio

Sócio-diretor da Carbono 60 - Economia Criativa, Leonardo Cassio é publicitário, jornalista e amante da sétima arte. Lê de mangá a física quântica e tem uma tatuagem do Pearl Jam.

RELACIONADOS