Fechar Menu [x]

Musicoteca – A biblioteca musical

Cultura Digital | Juliana Praia | Música 09/10/13 - 01h Juliana Praia

1238929_660903407253750_1000926806_n

Sabe aquela sensação de estar em casa, do aconchego? É exatamente assim que me sinto quando vou a uma biblioteca, pois lá é onde encontro uma diversidade sem igual, onde o conhecimento impera. E por que estou falando sobre isso? Por que se há um lugar que gosto tanto quanto uma biblioteca de livros, é a musicoteca de músicas.

O site é uma reciclagem musical, uma descoberta de talentos, momento de relaxamento. É um lançamento infinito de músicas, de gostos, de coisa nova misturada com coisa antiga que dá um resultado muito bom. Na Musicoteca existe uma educação musical. Existe um cafofo, existe bom gosto, bom tato, bom olfato, existe principalmente bons amigos, boas músicas, bons encontros. São escolhas feitas a dedo com carinho.

Já dizia um filósofo francês que os encontros sempre acontecem, o que diferencia um do outro é como esses encontros te impactam. É mais ou menos isso eu acontece quando estou escutando algo indicado pela Musicoteca.

A Musicoteca, se fosse uma pessoa, seria aquele revolucionário nato a favor de bons sons, a favor do download gratuito de CDs, a favor do pluralismo musical, onde tudo vale tudo – até homem com homem e mulher com mulher – somente o mau gosto que não.

Alguns de seus lançamentos já fazem sucesso por aí, é o caso do grupo 5 a Seco, que vem ganhando cada vez mais espaço na música, por seu estilo jovem, inovador e ousado de fazer música.

A música anda, corre!!!

1240405_665810580096366_1869289405_n

Sensibilidade é tudo na hora de escolher o que faz parte ou não desse arquivo de bom gosto. E não é só a música que encanta, mas sim todo o contexto que envolve, a música ganha vida, ganha casa, ganha encontros, ganha estilo próprio.

Só escutando para realmente entender do que eu falo. O mais bacana do site é o projeto Álbum Branco, que já está no segundo volume. São álbuns gratuitos para baixar, onde não sabemos os nomes das músicas e nem dos autores, é aguçar os sentidos para música, a descrição para o nome delas é simplesmente: 1- Experimente 2 – a música 3 – pura 4 – sem saber 5 – qual será a canção 6 – Acredite 7 – no que te toca 8 – Deixe os ouvidos 9 – livre para gostar 10 – Pratique 11 – sua sensibilidade

Para bom entendedor, meia nota basta.

Fina, elegante e sincera… Assim é a música: http://www.amusicoteca.com.br

Tags: , , , ,

COMPARTILHE ESTE POST

COMPARTILHE

COMPARTILHE

Juliana Praia

Juliana Praia

Juliana Praia, ruiva, é marketeira por profissão, jornalista por formação e escritora por acaso. É interessada em toda forma de expressão, seja ela cultural, facial ou individual. Adora poesia, por que acredita que as palavras também precisam de enfeite. Não é PhD em nada, mas é especialista em ter consigo uma eterna curiosidade sobre o mundo. Faz voluntariado na Ong Presente de Alegria como palhaço doutora por acreditar no ser humano. Adora escrever sobre tudo que lhe passa pela mente e pelos olhos. Seu ritmo de vida é a música, principalmente a Brasileira, acha a melhor forma de expressão.

RELACIONADOS