Fechar Menu [x]

Aniversário de Vinícius de Moraes

Música 19/10/10 - 12h Cult Cultura

Em 2010, são completados 30 anos de falecimento de Vinícius de Moraes

Dizer que estamos há 30 anos sem Vinícius de Moraes não seria o mais adequado. Seria uma certa falta de percepção sobre a vida, algo que Vinícius sabia muito bem como descrever e homenagear. Vinícius, através de suas composições sobre a vida, o amor, e até mesmo sobre política, está cada vez mais presente em nossa cultura. Sua obra não envelhece, pelo contrário: se renova e nos encanta a cada contato, por meio de CDs, comerciais, programas de TV, livros e homenagens feitas por diversos artistas.

Carioca, Vinícius de Moraes veio de uma família de artistas. Seu pai, Clodoaldo Pereira da Silva Moraes, era poeta e violinista amador, e Lidia Cruz, sua mãe, era pianista amadora. Recebeu deles a paixão pela arte. E sua combinação com a inerente paixão pela vida o tornou um artista.

Enquanto diplomata fez o mundo inteiro conhecer a criatividade, a generosidade e a musicalidade brasileira. Muitas vezes foi incompreendido por seus colegas de direito, mas ao invés de dificultar seu trabalho, isso o inspirou a compor canções e poesias sobre as posturas diplomáticas.

Com uma obra tão extensa, Vinícius se imortalizou. Não somente em nosso país, mas no mundo todo. Admiradora de suas composições, a cantora Ana Gilli apresenta o show “Como Dizia o Poeta” no All of Jazz, com repertório de Vinícius de Moraes, no dia 19 de outubro, data de nascimento do Poetinha.

“Há três anos recebi um convite do All of Jazz para fazer uma homenagem a Vinícius de Moraes. Ao começar estes estudos junto aos meus parceiros, descobrimos uma variedade artística imensa no trabalho de Vinícius. Ao apresentar um pouco desta pesquisa em nossos shows percebemos o quanto ela atinge a todas as pessoas de todas as gerações e classes sociais. Há muito o que contar e cantar a respeito deste generoso artista”, ressalta Ana Gilli.

Os arranjos das músicas foram modernizados pelo Diretor Musical e violonista Leandro Brenner, com o cuidado e a delicadeza de não descaracterizar a obra original.

Ana Gilli, também atriz, prende a atenção da plateia com uma destreza sem igual e uma teatralidade que lhe é peculiar. Ela, assim como as composições de Vinícius, emociona, alegra e faz o público sentir a energia da vida. Vejam o último vídeo “Berimbau/ Consolação”, interpretado por Ana Gilli, no Youtube: http://www.youtube.com/watch?v=jjnZZdyh2qE

Vale a pena participar desse momento e relembrar – ou conhecer – o maravilhoso trabalho – e interessantíssimas histórias contadas por Ana Gilli – deste grande maestro das transformações da Música Popular Brasileira.

Ana Gilli – Como Dizia o Poeta
All of Jazz
Rua João Cachoeira, 1366 – Itaim
(11) 3849-1345
Terça-feira, 19 de outubro, 22h
R$20,00 (R$10,00 couvert + R$10,00 consumíveis)

Ficha técnica
Ana Gilli (voz)
Leandro Brenner (Direção Musical e Violão)
Fernando Silveira (Percussão)
Bruno Tessele (Bateria)
Fil Caporali (Baixo)

Informações para Imprensa
Cult Cultura Marketing
(11) 7767-1397/ 121*107996
imprensa@cultcultura.com.br

Tags: , , , , ,

COMPARTILHE ESTE POST

COMPARTILHE

COMPARTILHE

Cult Cultura

Cult Cultura

Plataforma digital de cultura e economia criativa.

RELACIONADOS