Fechar Menu [x]

A Alma de Lisboa é o Fado

Publieditorial 06/11/14 - 03h Leonardo Cassio

lisboa

Quando o assunto é cultura portuguesa, dificilmente não se faz uma associação direta ao FADO, estilo musical nascido em Lisboa, na primeira metade do século XIX. A palavra FADO vem do latim FATUM, que significa destino, o que explica o tom de melancolia e sofrimento existentes nas canções.

Internacionalmente conhecido e considerado Patrimônio Oral e Imaterial da Humanidade pela UNESCO, o Fado foi durante muito tempo marginalizado e considerado música de prostitutas, vagabundos, marinheiros e outros tipos à época desqualificados socialmente. Assim como o Samba carioca, o Fado sofreu forte rejeição da nata intelectual, e as temáticas das músicas eram ligadas ao sofrimentos dos menos favorecidos.

Apenas nos anos 30 do século XX, com a organização de companhias artísticas, é que o FADO começou a ser conhecido fora do subúrbio de Lisboa e tomar conta de casas noturnas, espetáculo e rádios, saindo dos muros da capital e alcançando outras cidades lusitanas.

Casas de Fado foram constituídas e o ritmo português virou tradição oral, ganhando o gosto de poetas como Henrique Rego, João da Mata, Gabriel de Oliveira, Frederico de Brito, Carlos Conde e João Linhares Barbosa. E foi nos anos 50, com a magistral Amália Rodrigues que o Fado ganhou o mundo e a cantora virou um ícone cultural do país.

O fado tornou-se um orgulho nacional e Lisboa recebe milhares de turistas ávidos para vivenciar a arte diretamente do local de nascença. O Turismo de Lisboa disponibiliza em seu site uma lista com as principais casas de Fado da cidade e outras dicas interessantíssimas para os visitantes, incluindo outros roteiros culturais.

Para que a experiência seja completa é preciso ir ao Museu do Fado, espaço aberto desde 1998 com o objetivo de salvaguardar e divulgar o símbolo identificador de Lisboa. O Museu mantém uma exposição permanente, serviços educativos e uma programação intensa voltado ao Fado

Ouça uma bela canção da Amália Rodrigues e programe sua visita para uma das mais belas capitais europeias!


*Post oferecido por Providence Travel | contatojundiai@providencetravel.com.br

Tags: , , , , , ,

COMPARTILHE ESTE POST

COMPARTILHE

COMPARTILHE

Leonardo Cassio

Leonardo Cassio

Sócio-diretor da Carbono 60 - Economia Criativa, Leonardo Cassio é publicitário, jornalista e amante da sétima arte. Lê de mangá a física quântica e tem uma tatuagem do Pearl Jam.

RELACIONADOS